Friday, November 05, 2010

Casas velhas

Tenho andado com mais frequência de bicicleta e, portanto, evitado avenidas e ruas movimentadas. No trajeto que faço da minha casa até o trabalho já conheci vários atalhos, vielas e pequenas ruas onde nunca havia passado antes. Nesse trajeto percebi o quanto o meu olhar é atraído por casas velhas, de todos os tipos: as de muro baixo, as com varanda, as de porta diretamente pra rua, as com um pequeno jardim na frente. Acho muito mais bonitas do que as casas mais modernas, com muros altos e portões automáticos. Vasculhando meus arquivos no computador eu vi que essa atração já é antiga. As fotos abaixo foram tiradas com câmera de celular  (Sony Ericsson K660i 2.0 megapixel).

Vila Matilde. Essa tem aspecto de abandonada. Ficou bem legal com o grafitti do rabbit guy.

Rio Pardo. Passei boa parte da minha infância brincando nessa casa.

Rio Pardo. Mudei as cores (sério?). Bucólicas, não?

As três casas acima são em Ibicaraí. Minhas favoritas.

Rua Dona Antônia de Queirós. O grafitti fez toda a diferença.

4 comments:

Pâmella Ferrari said...

E ai rapaz! Tentei ver o nome da rua ali na VL MATILDE mas não consegui identificar, onde fica essa casa?

Sandre said...

Esquina da Rua José Mascarenhas com a Rua Dona Escolástica. É a rua que vai lá da Praça da Toco até a Gamelinha lá embaixo.

oi said...

eu queria muito saber qual é o autor do grafitti do rabbit guy -me disseram que é um tão de malocos ou marocos ñ sei muito bem sabe alguma coisa????

Sandre Quirino said...

olá, obrigado pela visita e comentário. infelizmente não sei quem é o autor do rabbit guy (apelidado assim por um amigo) mas acho bem legal. cada hora encontro um e estou devendo um post sobre isso. se um dia ficar sabendo quem é, te digo aqui. abraço.